Medida entrará em vigor em 2020 na capital belga e faz parte de campanha para conscientizar fumantes a manterem a cidade limpa e menos contaminada

Os moradores de Bruxelas poderão ser multados em até 200 euros (R$ 934,00) se forem flagrados lançando pontas de cigarro no chão a partir do próximo ano. A medida faz parte de uma campanha que será promovida na cidade pela secretaria de Limpeza, que também inclui mensagens de conscientização à população. A meta é reduzir a a sujeira nas ruas, que além da má imagem, contaminam o meio ambiente. Calcula-se que em toda Bélgica se joguem no chão a cada dia cerca de dez milhões de pontas de cigarro, das quais a maioria na capital.

Segundo a secretária de Limpeza, Zoubida Jellab, a campanha tem uma proposta dissuasória e não de arrecadação. Para ajudar os fumantes a pararem de sujar a cidade serão instaladas placas de sinalização e cinzeiros pelas ruas, além de cinzeiros de bolso para guardar as pontas de cigarro. O quadro de vigilantes municipais será reforçado e a polícia também poderá multar os fumantes.

A Prefeitura de Bruxelas, por outro lado, instou as empresas de tabaco a assumirem o custo econômico da limpeza das ruas causado pelo consumo do produto. As pontas de cigarro compõem a terceira parte dos resíduos recolhidos pelo serviço de limpeza pública.

As pontas de cigarro são o resíduo mais contaminante em todo o mundo. Jellab explica que “contém entre dois e quatro mil elementos químicos que acabam nas ruas ou na rede de esgoto e que o material inclusive pode ser reciclado”. Exatamente com este objetivo, a campanha da Prefeitura de Bruxelas inclui um acordo com uma empresa que se dedica a reciclar as pontas de cigarro.

Em paralelo a esta iniciativa da cidade de Bruxelas, em 2020 também entrará em vigor em toda a Bélgica, a obrigatoriedade de unificar o aspecto dos pacotes de cigarros, que terão que ser de cor neutra e escura. Tal medida com o objetivo de tornar o produto menos atrativo já está em vigor em países como França, Austrália e Nova Zelândia.

A Bélgica, paradoxalmente, foi o último país da União Europeia a retardar a idade legal para comprar tabaco até os 18 anos. Até o último dia 31 de outubre isso ainda podia ser feito legalmente por menores de idade com 16 anos.

Pontas de cigarros contaminam mares e oceanos, prejudicando a fauna e a flora

Segundo estudo publicado pela Comissão Europeia (CE), se calcula que uma ponta de cigarro pode contaminar entre 500 e 1 mil litros de água e necessita de ao menos 12 anos para desintegrar-se. Também se sabe que são os maiores contaminantes de mares e oceanos e a sua presença altera o crescimento das plantas.