Imagens de imigrantes no Mediterrâneo expõe drama que Europa se recusa a olhar

Fotos do argentino Juan Medina correram as redes sociais, depois de divulgação pela BBC Brasil

Mediterraneo 5

magens de autoria do fotógrafo argentino Juan Medina, que há 20 anos acompanha o drama de imigrantes que tentam chegar à Europa, correram as redes sociais na última segunda-feira, 27. As fotos da agência Reuters foram divulgadas pela BBC Brasil junto com um relato de Medina sobre histórias por trás daquelas imagens.

No texto postado pela BBC há um aviso: “As imagens abaixo podem chocar algumas pessoas“. E realmente chocam, pois refletem a realidade enfrentada por esta gente que tenta fugir da pobreza, da fome, da opressão e da guerra em seus países de origem. A maioria é oriunda do continente africano e acaba caindo nas mãos dos traficantes. Poucos chegam ao destino sonhado. Muitos perdem a vida nas águas do Mediterrâneo, outros são deportado de volta aos seus países e há os que nem se sabe o destino.

O fotógrafo foi o ganhador do Prêmio World Press pela imagem que abre este post, feita na costa das Ilhas Canárias em 2004. No seu relato, uma dura constatação: “Mesmo depois de 20 anos seguindo esta história, as pessoas ainda estão se afogando toda semana e não vejo mudanças. Se houve alguma mudança, foi para pior”.

Abaixo, algumas das fotos de Medina podem ser vistas acessando este link, com a íntegra do relato divulgado pela BBC Brasil.

Mediterraneo 6

Mediterraneo 1

Mediterraneo 2

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.