Peça teatral Cárcere encerra encontro sobre língua portuguesa em Barcelona

Evento com profissionais e estudantes da língua portuguesa encerra debates com apresentação de obra encenada por ator Vinícius Piedade, às 20h, na Escola Oficial de Idiomas de Drassanes

Os amantes da língua portuguesa têm uma ótima oportunidade hoje em Barcelona com a encenação da peça teatral Cárcere pelo ator brasileiro Vinícius Piedade. A apresentação, às 20h na Escola Oficial de Idiomas de Drassanes, encerra o Encontro de Professores de Língua Portuguesa, suas Literaturas e Culturas (EPLLIC), que está reunindo desde ontem na capital catalã profissionais e estudantes dedicados ao idioma.


Com concepção e direção de Vinícius Piedade, Cárcere leva ao cenário diferentes perspectivas, impressões e sensações acerca da vida. O texto, que reflexiona sobre a liberdade através dos olhos de um pianista privado de sua liberdade e seu piano, será subtitulado em espanhol. A reserva de entradas pode ser feita através do link https://tinyurl.com/ViniciusPiedade

A atividade é uma iniciativa da Meta Brasil, com apoio das diversas instituições que participam da realização do EPLLIC, como Consulado-Geral do Brasil em Barcelona, Casa Amèrica de Catalunya, Instituto Camões, Escola Oficial de Idiomas, Universitat Autònoma de Barcelona, entre outras. Meta Brasil é um projeto sem ânimo de lucro, liderado pelo LSB Portuguese (coordenador do EPLLIC), que tem como objetivo difundir a língua e a cultura brasileira com atividades artísticas exclusivas e de grande qualidade.
MESASOs debates do EPLLIC, dos quais estão participando agentes da esfera pedagógica de instituições locais, de países lusófonos e de outras localidades, tiveram inicio ontem e seguem na tarde de hoje. A pauta desta sexta-feira aboda o ensino do português para crianças e jovens em contextos plurilíngues: PLH e PL2, o idioma como língua global, de intercompreensão ibérica e de ensino de suas variantes e as inciativas internacionais e organizações de professores.
Ontem, estiveram em discussão o ensino do português nas universidades e instituições, a difusão e panorama do idioma para os negócios e fins profissionais, o ensino no setor privado e associativo e as pesquisas acadêmicas no âmbito do ensino e difusão. Estão programados debates sobre aspectos metodológicos do ensino do português, inclusive para o mundo profissional.

Luciana Castelo Branco, da LSB Portuguese, na abertura do EPLLIC em Barcelona

A abertura do evento, em sua segunda edição, contou com a participação do côsul-geral do Brasil em Barcelona, Maria Luiza Berenguer; do cônsul-geral de Portugal, Paulo Teles da Gama; do secretário de Políticas Educativa de Ensinamento da Generalitat de Catalunya, Joan Mateo; da diretora do Consorcio de Educação de Barcelona, Gemma Verdés Prieto e da diretora da Escola Oficial de Idiomas Drassanes, Joana Álvarez.
Os integrantes da mesa de abertura ressaltaram a importância do evento que também conta com a participação de especialistas que atuam na área de português em instituições de ensino públicas ou privadas, associações ou de forma independente.
Paulo Teles da Gama felicitou os organizadores por trazer o debate sobre o idioma a Barcelona, cidade multicultural e diversa. E destacou o potencial do idioma que tem 280 milhões de falantes no mundo, sendo língua oficial em oito países. “O português ocupa uma ampla plataforma continental e cada vez mais expande nossa cultura e é instrumento de negocios”, dice.
Joan Mateo falou sobre os objetivos do Marco Comum Europeu de promocionar o aprendizado de ao menos três idiomas às crianças do continente e da importância dessa política para expandir a comunicação e a integração entre os povos. Frisou também que a Catalunha está aberta a diversidade lingüística e se colocou à disposição dos organizadores do EPLLIC para discutir as propostas saídas do evento com relação ao ensino do português no marco das políticas educativas desenvolvidas no território.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.