Campanha pede fechamento de “prisões de estrangeiros” na Espanha

“Tanquem els CIE” reforça com lançamento de vídeo campanha estatal pelo fechamento de Centros de Internamentos de Estrangeiros na Espanha

Você sabe o que é um Centro de Internamento de Estrangeiro (CIE)? Nestas instituições, mantidas pelo governo da Espanha, ficam detidas as pessoas migrantes que não possuem documentação legal para permanecer no país. À espera da deportação, segundo diversos relatos, passam por situações humilhantes e vulneração de direitos. Por conta disto, diversas instituições lutam pelo fechamento destas “prisões”, entre elas o coletivo “Tanquem els CIE” (Fechemos os CIE), criado em 2012 em Barcelona.

Para reforçar a campanha, o coletivo lançou hoje (23) o primeiro de uma série de vídeos no qual diversas vozes dão os motivos para fechar os CIES. Com a divulgação dos vídeos, através das redes sociais, o coletivo tenta sensibilizar o cidadão comum “que normalmente não se dá conta da gravidade do problema”.

As pessoas que participam do primeiro vídeo, gravaram frases curtas respondendo à pergunta: “E você, por quê quer fechar os CIE?” Que foram editadas em um argumentário que leva à reflexão. Entre eles: “Devem ser fechados porque são prisões sem justiça, sem direitos, sem humanidade, onde se mata fisicamente e espiritualmente”. Ou: “Porque com pandemia ou sem não respeitam o direito universal à saúde”.

A mobilização está integrada a uma campanha estatal que juntas pedem o fim das deportações e abolição da chamada Lei de Estrangeria. O movimento conta com integrantes de todo estado espanhol e luta há anos em prol da causa.

O coletivo considera os CIEs como “a ponta de lança de uma política migratória violenta e racista, que discrimina as pessoas pela sua origem e que se expressa também nas batidas (policiais) de perfil étnico”. Segundo o movimento, “as deportações forçadas e numerosas medidas de violência institucional contra estas pessoas são invisíveis para a cidadania no seu dia a dia”.

Os CIEs são a prova da criminalização da migração pelo simples feito de viver em um país em situação jurídica irregular. Não se pode criminalizar e colocar em cárcere às pessoas por não terem documentos”, completa uma das vozes no vídeo, que pode ser visto aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.